Gugu quebra o silêncio e garante: “Não estou negociando com ninguém”

Gugu quebrou o silêncio após sua surpreendente saída da Record, anunciada oficialmente pela emissora nesta sexta-feira (7).

Em entrevista à jornalista Fabíola Reipert, o apresentador contou que pretende reativar sua produtora e negou que esteja negociando com alguma emissora.

“Vou me dedicar a remontar a produtora GGP, já que tenho três propostas para produzir programas para terceiros. Das três propostas, duas são de multinacionais detentoras de formatos e que atuam no Brasil”, contou.

Ainda na entrevista, Gugu falou sobre os boatos que circulam sobre seu retorno para o SBT: “Quanto ao meu programa, penso que ficará para uma segunda etapa. Não estou negociando com ninguém”.

Veja o comunicado da Record sobre a saída de Gugu Liberato:

“A Record e o apresentador Gugu Liberato, depois de um ciclo de quatro anos de contrato, decidiram rescindir o acordo que estava em vigor. A emissora e o apresentador consideram que o período de convivência profissional foi proveitoso para ambas as partes e atingiu seus objetivos.

A Record teve em seu elenco um dos maiores apresentadores da televisão brasileira e ofereceu todas as condições para que Gugu e sua equipe desempenhassem o seu trabalho.

Este contrato entre Gugu e Record chega ao final de forma acordada e sem qualquer impedimento para novas parcerias futuras ao longo do tempo.

Devido às mudanças de condições de mercado e a abertura de novas oportunidades, Gugu acredita ser o momento de investir em produção independente inclusive através de sua produtora GGP.

A Record deseja que Gugu Liberato siga em sua trajetória profissional e pessoal com muito sucesso”.

NT

Gugu estaria insatisfeito com cobranças e reclamações da Record

  • O apresentador Gugu Liberato não está aguentando a pressão dos diretores da Rede Record. De acordo com informações do jornalista Ricardo Feltrin, do jornal Folha de S. Paulo,  ele está irritado com críticas que vem recebendo, principalmente de pessoas que não entendem nada de televisão, como de pessoas ligadas à Igreja Universal.

    Gugu assinou com a Record em 2010 e seu contrato é válido até 2018. A multa rescisória é milionária de ambas as partes.
    Nas últimas semanas, devida a baixa audiência do “Programa do Gugu”, as especulações voltaram a surgir. O diretor Homero Salles, recentemente, garantiu que Gugu irá cumprir seu contrato até o fim.

    O PTV

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 19.986 outros seguidores